sexta-feira, 14 de agosto de 2015

DEIXE QUE O VENTE O QUE NÃO IRA VOLTAR.



"Fique aqui, não me abandona não", são vozes gritando dentro de mim, mas eu não posso, eu tenho que aguentar firme, não posso expressar meus sentimento, não agora, tenho medo da resposta, posso me decepcionar com as palavras,

como posso ser tão burra em gostar de alguém que não liga para mim, agora você se vai, que nem um vento que chega do nada e se vai, sem deixar rastros, mas para mim deixou! Pensei que os sentimentos eram coisas que passavam, mas estava enganada, foi tão rápido que nem percebi. Mas vou deixar para traz, irei seguir minha vida e deixar tudo, viver o dia de amanha, pois algum dia irei encontrar o meu amor e não irá me deixar nunca. 
Mas tenho muito tempo pela frente, não vai ser do dia pra noite que irei encontrar e nem te esquecer, você sera sempre lembrado, com uma simples palavra, roupa, irei me lembrar dos nossos momentos, das palavras estranhas, das brincadeiras. Mas serei forte e superarei, vou deixar que o vento leve essas lembranças, que deixe meu pensamento e minha alma pura, com que possa sorrir novamente, ter um motivo pelo sorriso.

Eu tenho certeza que irei encontrar, vou demorar, mas irei e não vou me deixar iludir novamente, serei forte, nem que demore para acreditar, mas quando quebramos a cara, sempre temos essa desconfiança por perto, mas ira passar e saberemos que podemos confiar em algumas pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 Bruna Genero